the feminst patronum logo

Toda A Minha Ira | Novo romance de Sabaa Tahir é lindo e arrebatador

"Raiva não é a palavra certa. Ira. Esse é o sentimento que me devora por dentro."

Noor e Salahudin se uniram aos 6 anos por serem as duas únicas pessoas diferentes na escola inteira. Ambos são Paquistaneses, e enquanto Noor quer se ver livre da cidadezinha de Juniper, Califórnia, onde mora com seu tio violento, se candidatando em várias universidades, Salahudin assume a responsabilidade de tocar o motel de sua família após o falecimento de sua mãe, a querida e amorosa Misbah, enquanto seu pai se perde nas bebidas.


Em uma história que mescla passado e presente, a história de Noor e Salahudin vs a história de Misbah, acompanhamos o ponto onde uma briga abala a relação dos protagonistas, até o desfecho de toda a somatória de más decisões.


Existem histórias que apenas Sabaa Tahir (autora também de Uma Chama Entre as Cinzas) poderia escrever, 'Toda A Minha Ira' é uma delas. Com seu toque sensível e um enredo arrebatador, este livro é uma viagem direta para o coração da cultura Paquistanesa e o Islã, abordando o luto e debatendo a importância de nossas raízes.


Sabe aquele momento em que não existe luz no fim do túnel? Onde você implora para que esse sentimento acabe logo pois é difícil demais? É neste momento da vida dos personagens que o enredo habita.


Porém, sem prever, foi o livro que eu li mais rápido em muito tempo. Tudo sobre esse livro é perfeito, bem encaixado. Está longe de ser um romance adolescente, como divulgação dele diz, isso aqui é uma experiência de vida! Deve ser lido entregue de corpo e alma.


Gatilhos: violência doméstica, uso de substâncias lícitas e ilícitas.


E, como conclusão, Tahir é fiel a realidade e como as coisas de fato aconteceriam, e sabemos como o mundo real é cruel, em especial com minorias, por isso não espere o final mais feliz de todos os tempos. Foram muitas lágrimas envolvidas!


Impecável, mas quem está surpreso? É a Sabaa Tahir.


Compre aqui e ajude o The Feminist Patronum a continuar crescendo.


thheeeee feeeeem (1).png