the feminst patronum logo

Star Wars: Visions, uma nova série para se apaixonar

Atualizado: 22 de abr.

O que é Star Wars: Visions?


Se você é o fã de Star Wars que vem se perguntando com frequência porque a Disney ainda não fez uma versão de 'What If...?' (da Marvel Studios) para a nossa querida galáxia tão distante favorita, gostaria de informar que é porque Visions chegou para cumprir este papel!


No formato de anime, 7 estúdios especializados foram convidados a contar novas histórias dentro do universo de Star Wars, constituindo assim os 9 episódios de Visions, onde cada um possui um enredo e visual único, narrando histórias completas no espaço aproximado de 20 minutos.


Nomes famosos como Neil Patrick Harris, Joseph Gordon-Levitt, Karen Fukuhara, David Harbor, Jordan Fisher e Simu Liu dão vida a vozes em inglês de alguns personagens.


Prepare-se para viver Star Wars de uma forma jamais feita antes!


The Duel

Por Kamikaze Douga.


O episódio perfeito para abrir as portas da série apresenta os efeitos do Império sobre as pessoas de uma pequena vila, onde temos os Jedi e Sith como samurais, cenas em preto e branco onde apenas os sabres possuem cores.


O nome do episódio faz referência a um duelo que acontece entre os dois detentores de força do episódio, um deles com o sabre icônico em formato de "guarda-chuva" que apareceu nos trailers da série, e lembra muito a luta entre Obi-Wan e Anakin em A Vingança dos Sith. Uma cena arrepiante do começo ao fim!


Tatooine Rhapsody

Por Studio Colorido.


Com direito a participação de Boba Fett e sua icônica nave, ele está perseguindo os membros da banda Star Wavers em nome de Jabba, o Hutt.


A banda que deseja apenas atingir o sucesso usa a música para salvar a própria pele e a trilha sonora é extremamente marcante nesse episódio, com um tom marcado pela presença da guitarra sempre.


Com Temuera Morrison dando voz em inglês para o próprio Boba Fett, Tatooine Rhapsody pode facilmente acontecer dentro do universo canônico de Star Wars.


The Twins

Por Trigger.


E se Luke e Leia tivessem sido criados pelo lado sombrio da força? E se eles, juntos, desejassem governar a galáxia e criassem sua própria versão da estrela da morte, desejando derrubar a República?


Essa é a história de Am e Karre, até que Karre decide que quer viver sua vida por conta própria e faz o impossível para salvar a vida de sua irmã gêmea também.


Uma enorme referência aos filmes da trilogia clássica, uma incrível forma de rever diferentes possíveis caminhos que a história que já conhecemos poderia seguir.


The Village Bride

Por Kinema Citrus.


Um episódio que acontece logo após as Guerras Clônicas e mostra as suas consequências em planetas de poucos recursos, deixados à mercê de novos invasores. A história nos apresenta um povoado que se conecta profundamente com seu planeta, e sua líder, Haru, precisa tomar uma decisão que pode tanto salvar, quanto destruir seu povo.


Entre todos os episódios, este foi o meu favorito por mostrar a delicadeza de trabalhar a força em união à natureza, e por ter momentos emocionantes com mensagens impactantes dentro do curto período de 18 minutos. A energia maravilhosa de Star Wars com o trabalho incrível da trilha sonora e belíssimos visuais fazem deste episódio um dos mais fortes de Visions.



The Ninth Jedi

Por Production I.G.


Há muitas gerações os Jedi triunfaram na galáxia, hoje eles são extintos, e enquanto alguns tentam recuperar o equilíbrio da força trazendo-os de volta, outros tentam aproveitar a oportunidade para... fortalecer o lado sombrio.


A beleza da construção de um sabre e a importância da arma para um Jedi é o foco deste episódio, onde também vemos um paralelo sobre a cor versus o Jedi que está empunhando-o.


T0-B1

Por Science Saru.


O episódio conta a história de um dróide com o sonho de se tornar um Jedi e conhecer a galáxia, porém no processo ele acaba chamando a atenção de um dos Inquisidores que coloca ambos, ele e seu mestre, em perigo.


É o episódio é mais voltado para o público infantil entre todos por lembrar o Astro Boy, mas ainda sim super interessante com referências a relação de um Mestre Jedi e seu Padawan, e a participação de Fantasmas da Força!


Lop & Ochô

Por Geno Studio.


A história que acontece entre A Vingança dos Sith e Uma Nova Esperança mostra uma família fica dividida sobre o que fazer quando o Império invade seu planeta, apresentando o desequilíbrio causado na natureza pela crescente do Império


The Elder

Por Trigger.


O episódio que faz maior referência a personagens e histórias clássicas, The Elder traz a história de um Mestre Jedi e sua relação com seu Padawan que precisarão enfrentar um poderoso e desconhecido inimigo. A história acontece antes dos eventos de A Ameaça Fantasma e a relação entre os dois principais personagens lembra muito Qui-Gon Jinn com Obi-Wan Kenobi, inclusive, com uma luta que faz referência a luta de ambos contra Darth Maul.



Akakiri

Por Science Saru.


O episódio que tem como sua força principal os visuais e fotografias altamente bem produzidas, assim como a história bela, porém dolorosa, sobre uma princesa.



O que achamos?

É uma experiência e tanto assistir Star Wars: Visions.


Além de aquecer o coração daqueles que já são fãs do universo, Visions é capaz de atrair novos públicos, uma vez que cada curta narra uma história completa, porém sempre com a alma de Star Wars por trás utilizando apenas o que a saga tem de melhor à oferecer.


Cada estúdio apresenta seu episódio com seu traço específico somado à essência de Star Wars. A sensação assistindo é que são histórias claramente feita por fãs, pela quantidade de referências visuais ou auditivas, à frases e cenas que são marcos na história da saga, como a repetição de "eu tenho um pressentimento ruim sobre isso", e a clássica "que a força esteja com você".


Visions é um presente para aqueles que estavam ansiando por mais conteúdos de Star Wars mas como algo diferente do que vinha sido feito, fugindo do padrão filmes e séries live action, deixando aquele gostinho de "quero mais" quando acaba.


Estamos falando de uma série linda de assistir, que mesmo em momentos difíceis ou até mesmo tristes, Visions mostra com excelência a importância no equilíbrio entre todas as coisas, seja na força, em pequenas vilas, em grandes cidades ou entre pessoas comuns, não existe apenas o 100% certo ou o 100% errado no mundo real, e é com essa base que os curtas se desenrolam.


Não deixe de viver a experiência única de Star Wars: Visions no Disney+ hoje mesmo!