the feminst patronum logo

Star Wars: Histórias dos Jedi | Curtas cumprem seu propósito muito bem

Estamos de volta ao mundo das animações de Star Wars! Criada por Dave Filoni, os curtas de Histórias dos Jedi não possuem duração maior a de 20 minutos e foi feita para os fãs de Star Wars com potencial para ganhar inúmeras temporadas e abordar inúmeros outros personagens.


Em Star Wars: Histórias dos Jedi, acompanhamos 3 curtas contando mais detalhes sobre Ahsoka Tano, e 3 curtas contando mais detalhes sobre Dookan, utilizando dos mesmos traços (porém aperfeiçoados) e dublagem de The Clone Wars. A série fornece novas visões sobre momentos que já conhecemos de Star Wars, como mais detalhes sobre a origem de Ahsoka e como outros personagens viveram os acontecimentos dos filmes prequels.


Mas não é porque Histórias dos Jedi cerca personagens famosos que surpresas não podem ocorrer, é uma série que dá atenção aos detalhes, seja ao fundo de uma cena ou uma trilha sonora específica, o resumo é que grandes fãs vão notar grandes referências. Sendo uma pessoa que acompanha os livros e quadrinhos de Star Wars, foi incrível ver em animação informações que apenas foram mostradas em livros como Master & Apprentice e Dooku - Jedi Lost (nunca publicados no Brasil), além do livro da Ahsoka (publicado pela Universo Geek no Brasil).


Apesar de quase tudo em Star Wars ser refém do contexto em que está inserido, Histórias dos Jedi surge com a proposta de ser apenas rápidas histórias entre um evento e outro. E, neste sentido, a série entrega seu propósito muito bem, sendo extremamente próxima ao formato de The Clone Wars, com episódios sempre acompanhados da melancolia sobre o inevitável caminho em que tudo se encaminha: a queda da República, o surgimento de Darth Vader e do Império.



OS EPISÓDIOS:

O primeiro episódio, Vida e Morte, funciona como uma belíssima introdução ao que serão os 6 curtas, com Ahsoka nascendo e sua tribo descobrindo que ela, na verdade, é uma Jedi. A trilha sonora delicada e o trabalho de iluminação nos traços dos personagens ao longo dos 19 minutos foram, de longe, o destaque deste episódio.



Seguindo uma ordem cronológica de acontecimentos, o segundo episódio, Justiça, mostra Dookan e seu padawan Qui-Gon Jinn em busca do filho do Senador Dragonet, que está sendo feito refém por um povo faminto. O episódio nos apresenta as primeiras fagulhas responsáveis pela saída de Dookan da Ordem Jedi: a corrupção dentro da República e o fato dos Jedi se tornarem exércitos do senado, ao invés de cavaleiros da paz.


Já no terceiro episódio, Escolhas, seguimos com Dookan agora ao lado de um Mace Windu ainda Cavaleiro Jedi, recuperando o corpo de um Jedi que foi morto em uma missão. A indignação de Dookan com os métodos e diretrizes da Ordem está mais agressiva, e suas ações também, discordando constantemente de um Mace Windu, como sempre, fã das regras.



O quarto episódio, O Lorde Sith, já começa de uma forma intrigante: com Dookan deletando as informações de Kamino da base de dados dos Jedi sob o nome de Zaifo Vias, que, como sabemos pelo filme Ataque dos Clones, foi o responsável pelo projeto dos Clones e assassinado por Dookan. É um episódio que acontece ao mesmo tempo dos minutos finais de A Ameaça Fantasma e, de brinde, assistimos ao sofrimento de Dookan com a descoberta da morte de Qui-Gon Jinn. Aliás, o próprio Liam Neeson dá voz a Qui-Gon Jinn neste episódio!


No quinto episódio, Prática Leva à Perfeição, retornamos ao enredo da Ahsoka, agora padawan de Anakin Skywalker, sofrendo para provar seu valor a seu Mestre. Sendo o episódio mais emocional (na opinião de uma ENORME fã de The Clone Wars), este marca o retorno de Ashley Eckstein, Matt Lanter, James Arnold Taylor e Dee Bradley Baker dublando Ahsoka, Anakin, Obi-Wan e os Clones, respectivamente. Aliás, Rex e o Esquadrão 501, a pedido de Anakin, são os responsáveis por levar Ahsoka à perfeição na luta contra os Clones, o que justifica o fato de que Ahsoka ter sido uma das poucas Jedi que sobreviveu à Ordem 66. Sim, Anakin Skywalker literalmente treinou Ahsoka Tano para sobreviver a Ordem 66, entenda como quiser.


Por fim, encerrando a primeira temporada de Histórias dos Jedi, Decisão começa no enterro de Padmé Amidala com uma Ahsoka perdida e solitária. Ao se aventurar em um planeta aleatório como uma simples trabalhadora, Ahsoka irá perceber que ser uma Jedi não permite certas normalidades, e por isso, precisará decidir seu futuro. Talvez seja o episódio com menos aprovação entre os fãs, por retirar do cânone um livro muito famoso e querido de E. K. Johnston, que aborda essa mesma fase da personagem com maior profundidade e cuidado, sem a pressa dos 20 minutos "no máximo".


Todos os episódios de Histórias dos Jedi já está disponível no Disney+