• YouTube
  • Twitter
  • Instagram

© 2019 por The Feminist Patronum.

Resenha: Um Lugar Bem Longe Daqui


Em um vilarejo distante de tudo na Carolina do Norte, existe um brejo esquecido através da mata e lama, que a própria população da cidadezinha Barkley Cove finge que não existe. Nesse brejo, mora Kya Clark, a protagonista dessa história emocionante e muito (muito mesmo) triste.



Kya é a mais nova de quatro irmãos que vivem com os pais nesse brejo sob condições básicas de vida, debaixo de um teto simples e pouquíssimo dinheiro. Seu pai é ex veterano de guerra e a única fonte de dinheiro deles é basicamente o que o país fornece pelos seus serviços prestados enquanto soldado. Mas a guerra trouxe consequências para a vida de seu pai que destruiu todas as formas de boa convivência dele, tornando-o agressivo e alcoólatra, que passou a ferir sua família não apenas psicologicamente, mas também fisicamente.


Cansada dos maus tratos, a mãe de Kya decide ir embora, e, aos poucos, todos os seus irmãos e irmãs também seguem o próprio rumo longe de casa, deixando Kya sozinha com seu pai, que eventualmente também a abandona.


No início do livro, conhecemos Kya com apenas 6 anos precisando lidar com todo esse abandono e a assumir a vida por contra própria extremamente nova e inexperiente, tendo apenas as gaivotas como companhia por anos. Ela nem sequer sabe ler e escrever, foi a escola uma única vez e foi o suficiente para as pessoas da cidade passarem a chamá-la de Menina do Brejo, que não sabia nem contar até 10.


Você torce muito pela jovem Kya, que eventualmente se torna uma mulher, e que está agora envolvida em um assassinato, como a suspeita principal.


Os capítulos neste livro são alternados entre 1952, enquanto acompanhamos a evolução da história de Kya, e 1970, onde acompanhamos a investigação da morte de Chase Andrews, um garoto popular na cidade por ser um estudioso, atleta, fazer sucesso entre as mulheres, e de família extremamente importante e rica.


Um livro intenso do início ao fim, onde você acredita já ter desvendado a história logo de cara, e quando menos percebe o rumo da mesma já está tomando proporções enormes. Torcer pela Kya vai muito além de viver os mesmos sentimentos de abandono que os dela, esse livro pode te fazer chorar bastante não apenas na conclusão mas pelos mínimos detalhes durante toda a jornada dessa jovem que aprendemos a amar e querer proteger de todo o mal.


Reese Whiterspoon; Divulgação

A autora, Delia Owens, é uma zoóloga americana que já publicou diversos livros técnicos em sua área e por isso ‘Um Lugar Bem Longe Daqui’ é tão rico em detalhes sobre o pântano e Kya é tão cuidadosa ao estudar seus mínimos detalhes, desde a mata, o mar e seus animais. O livro, que hoje é um best-seller mundial, teve seus direitos comprados pela atriz e produtora Reese Whiterspoon, que planeja adaptar a história para as grandes telas.


O livro foi publicado no Brasil em 2019 pela Editora Intrínseca.


Ficha Técnica:

Um Lugar Bem Longe Daqui

Delia Owens

Editora Intrínseca

336 páginas

Compre aqui









nossa equipe tfp.png