• YouTube
  • Twitter
  • Instagram

© 2019 por The Feminist Patronum.

O Filme do Bruno Aleixo | Crítica

Já conhecido na internet, o personagem de humor português lança O Filme de Bruno Aleixo transforma as enquetes do YouTube para um filme de longa duração.



Realizado pelos próprios criadores dos personagens, criados há mais de 10 anos atrás, o filme é escrito e dirigido por eles: João Moreira e Pedro Santo, que aqui contam como o meio cachorro ewok tem dificuldades após ser pedido por uma produtora a apresentar uma ideia para um filme, assim pedindo a seus amigos (uma criatura parecida com um Monstro do Lago Ness, um busto de Napoleão e um Homem do Bussaco, que tem aparência de um boneco) ajuda a lhe dar uma ideia para ser apresentada. O filme então passa por todas as idéias, boasou nem tanto, sendo narradas pelos amigos conversando em uma mesa.


A comédia é muito fraca e o enredo tanto do filme em si como das histórias inventadas não se sustenta 90 minutos, assim fazendo com que seja um filme chato, cenas que se arrastam demais e piadas medíocres. A fotografia é boa, com iluminações e enquadramentos muito legais durante as idéias, porém ainda não trás nenhuma profundidade, e só busca por uma aproximação á uma linguagem cinematográfica.


Ainda assim, as enquetes mais curtas de Bruno Aleixo podem talvez  ser melhores por terem curtas durações, assim provando que somente não se adaptou bem para o cinema. O trabalho dos criadores está disponível no YouTube.



O Filme de Bruno Aleixo lança nos cinemas brasileiros dia 23 de janeiro de 2020.


Crítica por Eduarda Marina



nossa equipe tfp.png