the feminst patronum logo

Livro de Nicole Aun deixa a desejar na proposta

Nomear para combater: Uma tentativa de organizar a raiva para virar pensamento, de Nicole Aun, é um livro não cumpre o que promete no título - ou cumpre em partes.



É perceptível pela forma escrita que a autora não está escrevendo, mas dialogando com alguém, um bate papo descontraído de fim de semana, porém regado com uma ótima bibliografia para consulta e adesão no cotidiano.


Nicole Aun, deseja com o livro-guia traduzir os sentimentos internalizados em nós pela vivência na sociedade em que vivemos, com o regime patriarcal, branco e hétero, transformar esses pontos muitas vezes visto como "mimimi" em argumentos sustentados por bibliografia e articulado de forma que podemos usar sem de ouvir que somos/estamos loucas e sermos mais reprimidas.


Esperava mais da leitura, a simplicidade da escrita deixa um texto um tanto fraco, porém serve de suporte como um guia de o que fazer e como pensamentos recorrentes, transformando em argumentos embasados e abertura a novos autores.