Hera Venenosa, uma grande vilã

Hera Venenosa (Poison Ivy é alter ego da Dra. Pamela Lillian Isley,PhD) é uma anti-heroína e vilã na revista do Batman. Criada por Robert Kanigher, sua primeira aparição foi em Batman #181 (junho de 1966). Ela é imune a qualquer tipo de toxina consegue criar plantas em lugares sem sol e infértil.


Antes da crise das terras infinitas

Pamela Lillian Isley, uma promissora botânica de Seattle, foi seduzida por seu professor de botânica, Marc LeGrande, para ajudá-lo com o roubo de um artefato egípcio contendo ervas antigas. Temendo que ela o implicasse no roubo, ele tenta envenená-la com as ervas, que são mortais e não rastreáveis. Ela sobrevive a essa tentativa de assassinato e descobre que adquiriu imunidade a todas as toxinas e doenças naturais. O FBI finalmente descobriu sobre esses eventos, mas eles mantiveram o nome dela incorretamente como Lillian Rose.

Depois da crise das terras infinitas

Após a fusão de realidades durante o evento cósmico conhecido como Crise nas Infinitas Terras, suas origens foram revisadas. Pamela Isley cresce rica com pais emocionalmente distantes. Mais tarde, estuda bioquímica botânica avançada em uma universidade com Dr. Jason Woodrue. Isley, tímida, é facilmente seduzida por seu professor. Woodrue injeta Isley com venenos e toxinas como um experimento, causando sua transformação. Ela quase morre duas vezes como resultado desses envenenamentos, deixando-a louca. Mais tarde, Woodrue foge das autoridades, deixando Pamela no hospital por seis meses. Enfurecida com a traição, Pamela sofre violentas mudanças de humor, sendo doce em um momento e como veneno no outro.


Quando seu namorado sofre um acidente de carro depois de sofrer misteriosamente com um crescimento excessivo de fungos, Isley sai da escola e deixa Seattle, eventualmente se estabelecendo em Gotham City.

Adquirindo o nome de Poison Ivy, ela inicia uma carreira criminosa e começa a mostrar seu poder sobre os homens. Seu primeiro esquema envolveu ameaçar liberar seus esporos sufocantes no ar, a menos que a cidade atenda às suas exigências. O Batman, que aparece em Gotham naquele mesmo ano, frustra seu esquema, e ela é encarcerada em Arkham Asylum para os criminosos insanos. A partir daí, ela tem uma espécie de obsessão por Batman, ele sendo a única pessoa que ela não pode controlar. Ao longo dos anos, ela desenvolve superpotências semelhantes a plantas, sendo a mais notável uma toxina letal nos lábios; ela é capaz de literalmente matar com um beijo. Poison Ivy escapou do Arkham Asylum várias vezes, seduzindo com mais frequência seus guardas para fugir. Ela logo se tornou um membro frequente da Galeria Rogues do Batman, muitas vezes cometendo assaltos para financiar sua causa para a preservação de toda a vida vegetal. Poison Ivy logo entrou em conflito com muitos outros heróis em sua busca insana, como Superman e Mulher Maravilha. Ela lutou contra a Liga da Justiça pelo menos uma vez e se juntou à Gangue da Injustiça para ajudar a se opor a eles.

Hera Venenosa também ofereceu seus talentos como uma das principais especialistas mundiais em propriedades de plantas à Sociedade Secreta dos Super-Vilões, embora, nos últimos anos, ela pareça ter deixado a equipe. Ela odiava toda a humanidade de várias maneiras pelos danos que haviam causado à flora do mundo. Ela se permitiu marginalizar temporariamente sua missão de se juntar ao Esquadrão Suicida. Sob a direção de Amanda Waller, ela serviu em várias missões.


Os Novos 52

Ivy apareceu no novo Universo DC como um membro da Birds of Prey. Ela inicialmente desconfia dos colegas Katana e Starling por causa de suas conexões com vários ataques e assassinatos eco-terroristas, mas ganha sua confiança depois de recuperar a localização do esconderijo do alvo e salvá-los e o Canário Negro de uma explosão. Ela parece estar vestindo um novo traje preto cobrindo seu corpo até o pescoço, que parece ter musgo e plantas vivas. Seus olhos também são diferentes, agora sendo completamente pretos, exceto por suas íris verdes brilhantes.

Harley ligou para Poison Ivy depois de deixar Gotham perguntando se ela queria ter uma noite de garotas e eles acabaram quebrando todos os animais no abrigo de animais local. Ivy acorda da cama que compartilha com Harley na manhã seguinte e lhe dá um beijo na bochecha, depois floresce o apartamento com grama e uma árvore para todos os cães e gatos.


Em junho de 2015, os escritores da série Harley Quinn, Jimmy Palmiotti e Amanda Conner, confirmaram que ela está em um relacionamento romântico não-monogâmico com Harley.


Poderes a habilidades


Imunidade tóxica

Hera Venenosa, a partir do momento em que foi envenenada, desenvolveu uma forte imunidade a qualquer veneno ou toxina por mais letal que seja.

Hipnose

Hera Venenosa possui a habilidade de hipnotizar com um veneno em sua boca transmitido a partir do beijo.

Manipulação de plantas

Em algumas de suas versões, Hera pode manipular a vida vegetal ao seu redor, ou até mesmo transformar geneticamente as que já existem em uma forma mais poderosa.


Fora dos quadrinho


  • Filmes e séries

Robin e Batman (Uma Tharman)

Série animada Harley Quinn (Lake Bell)

Gotham (Peyton List e Maggie Geha)

  • Animações

ASA

O Batman

Os Bravos e os Destemidos

LDJ

  • Jogos

Hera Venenosa (Universo Arkham)

Hera Venenosa (Lego Batman)

Hera Venenosa (Injustice 2)



nossa equipe tfp.png
  • YouTube
  • Twitter
  • Instagram

© 2020 por The Feminist Patronum.