Dica de filme: O Sol Também É Uma Estrela

Já imaginou como pequenos acontecimentos e decisões podem mudar sua vida para sempre? Fugindo do clichê dos romances, o longa acompanha um jovem casal se apaixonando ao longo de 24 horas.

Baseado no livro homônimo escrito por Nicola Yoon, ‘O Sol Também É Uma Estrela’ conta a história de Natasha (Yara Shahidi), uma adolescente jamaicana extremamente pragmática, que acredita apenas em fatos explicados pela ciência e descarta por completo o destino.


A protagonista é uma imigrante ilegal nos Estados Unidos buscando uma forma de evitar que a família seja deportada no dia seguinte. Antes que isso aconteça, ela acaba conhecendo Daniel (Charles Melton), quando o rapaz a salva de um atropelamento.


Ao contrário de Natasha, Daniel é um jovem asiático que está a poucas horas de fazer uma importante entrevista da universidade para agradar os país. No entanto, o grande sonho do garoto é poder seguir a carreira de poeta.


Divulgação Warner Bros

Quando imprevistos acontecem, o jovem decide convencê-la que o encontro dos dois foi obra do destino. Para comprovar, Daniel a desafia Natasha a passar o dia inteiro com ele para provar que pode fazê-la se apaixonar.

A obra quebra os estereótipos comuns em filmes de romances adolescentes!


Natasha é a cética da história, que só vê a razão, acredita nos fatos e deseja trabalhar com dados. Já Daniel é o escritor sonhador, que não acredita no acaso e que se apaixona perdidamente e (rapidamente) pela futura cientista.

Pela sinopse é possível acreditar que a autora forçaria o romance entre os dois, mas toda a história flui naturalmente, principalmente por mostrar como as decisões de outros indivíduos impactam a nossa vida de forma imperceptível.


A obra também aborda temas como racismo, depressão, diferenças culturais, imigração, e como os conflitos familiares afetam a vida do casal.

Se interessou pela história? ‘O Sol Também É Uma Estrela’ entrou este mês para o catálogo do streaming da Telecine! Experimente grátis por 30 dias: http://bit.ly/3dOlc76


"Talvez parte de se apaixonar por alguém também seja se apaixonar por si mesmo.”


  • Capa comum: 288 páginas

  • Editora: Editora Arqueiro; Edição: 1ª (31 de março de 2019)

  • Idioma: Português

  • Autora: Nicola Yoon

  • Compre por aqui e ajude nossa equipe.




nossa equipe tfp.png
  • YouTube
  • Twitter
  • Instagram

© 2020 por The Feminist Patronum.